Chegou a hora


Ta na hora de parar de pensar na vaidade e começar a pensar na essência
Ta na hora de parar de cimentar a cara e começar a lapidar o coração
Ta na hora de parar de malhar o corpo e começar a malhar a mente
Ta na hora de parar de perguntar o preço e começar a se preocupar com o valor
Ta na hora de parar de plantar ignorância e começar a colher conhecimento
Ta na hora de parar de julgar o próximo e começar a se perceber
Ta na hora de tirar os olhos da TV e começar a enxergar a realidade
Ta na hora de parar de reclamar e começar a agradecer
Ta na hora de parar de aceitar e começar a argumentar
Ta na hora de parar de se esconder e começar dar a cara pra bater

Chegou a hora de mudar, reivindicar, aprender, construir, crescer, EVOLUIR.

Minha autoria

Um comentário:

  1. Quem dera se todas as pessoas tivesse essa consciência, seria perfeito! Esse poema é ideal para reflexão, pois ele traduz as coisas do cotidiano que nem todas as pessoas percebem e são coisas que devem ser mudadas e não serem uma constante na vida das pessoas. Pobres das pessoas que valorizam só o superficial....ótimas palavras, parabéns!

    Abraços e aguardo sua visita em meu blog!
    Boa Tarde!

    ResponderExcluir

Comente! :D Mas leia antes de comentar!